Deputados federais do RN gastaram mais de R$ 3,7 milhões com cota parlamentar em 2016

Os deputados federais do RN gastaram, durante todo o ano de 2016, exatamente o valor de R$ 3.778.723,38 em recursos disponíveis na cota parlamentar da Câmara dos Deputados, usados para serviços de telefonia, consultorias, pesquisas, combustíveis, hospedagem, locação de veículos e transporte terrestre e aéreo. Uma média de mais de R$ 472 mil por deputado.
De acordo com o portal da Câmara, a deputada Zenaide Maia (PR) foi a que mais teve despesas. Ela pagou R$ 518.831,46 pelos serviços prestados ao seu gabinete durante o ano passado. Perto dela, com gastos acima de meio milhão, estão os deputados Beto Rosado (PP), com R$ 511.589,23, e Antônio Jácome (PTN), com R$ 510.713,25 em despesas. O mais econômico do ano foi Felipe Maia, com gastos de R$ 345.809,52 em 2016.
Já os representantes do Rio Grande do Norte no Senado tiveram custas bem menores que os parlamentares da Câmara. Os valores, incluindo também despesas com viagens oficiais, somam R$ 939.538,83. A média de gastos foi de R$ 313.179,61 por cada senador em 2016.
A senadora Fátima Bezerra (PT) foi a que mais gastou no período: R$ 348.179,61, bem próximo de José Agripino (DEM), que gastou R$ 343.173,85. Atrás, o senador Garibaldi Filho teve gasto de 248.088,73 em 2016. Os dados foram obtidos no portal do Senado Federal.
Tecnologia do Blogger.