Justiça aceita denúncia contra Cabral, Messer e mais 60 pessoas na 'Câmbio Desligo'

A Justiça Federal do Rio aceitou, nesta sexta-feira (15), denúncia contra o ex-governador Sérgio Cabral o doleiro Dario Messer e outras 60 pessoas, agora réus na Operação Câmbio Desligo, desdobramento da Lava Jato no Rio. O grupo é acusado de formar uma organização criminosa, desde a década de 90, que promoveu evasão de divisas e lavagem de dinheiro.
Esse é o 24º processo contra Cabral na Lava Jato. O juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, desmembrou o processo em três. O magistrado separou um processo para os 14 foragidos (veja lista abaixo) e outro para os cinco réus que estão no exterior (veja abaixo)
No mês passado, a Operação Câmbio Desligo prendeu 30 pessoas em quatro estados. Os alvos eram doleiros suspeitos de movimentarem R$ 1,6 bilhão em 52 países.
Tecnologia do Blogger.