Maia promete votar projetos relacionados à Petrobras e Eletrobras

Os projetos de lei para a venda de seis distribuidoras da Eletrobras e o que autoriza a Petrobras a vender áreas de cessão onerosa do pré-sal devem ser votados na próxima semana na Câmara dos Deputados. Segundo o presidente da Casa, Rodrigo Maia, o governo tem trabalhado para isso e há quórum para aprovação.
O deputado disse que está inteiramente dedicado à aprovação dos dois projetos na Câmara dos Deputados ante a importância que têm para o país e o seu próprio estado, o Rio de Janeiro. De acordo com ele, a venda das concessionaras "resolve um passivo grande de Eletrobras" e a autorização para a Petrobras vender áreas de cessão onerosa do pré-sal permite novos investimentos no seu estado.
Maia deu a declaração para a imprensa após participar hoje (15) do 3º Encontro Anual da Câmara Espanhola de Comércio no Brasil, no Museu de Amanhã, no centro da capital fluminense, que tratou do tema o Futuro do Rio de Janeiro. O interventor federal na segurança pública do Rio, Walter Braga Netto, também participou do evento, que foi fechado para a imprensa. Ele não deu entrevista depois.
Segundo Maia, também estão na pauta para a semana que vem o projeto do transporte de carga e o cadastro positivo, mas a prioridade é a desestatização. “Nós vamos votar a autorização da venda das seis distribuidoras na quarta-feira, e na terça-feira nós vamos votar a cessão onerosa e talvez o transporte de carga”.
O presidente da Câmara afirmou que o objetivo é contribuir para a retomada da economia do país, sem descuidar da responsabilidade fiscal. “Eu acho que é um momento de muita necessidade e de responsabilidade aqui. E eu acredito que a Câmara contribui, como já contribuiu a semana passada em outros projetos, terminando de votar o cadastro positivo e votando, principalmente, a cessão onerosa e as distribuidoras”.
Tecnologia do Blogger.