MP-RJ apresenta denúncia de homicídio doloso contra ‘Dr. Bumbum’, a mãe e auxiliares

O Ministério Público do Rio de Janeiro apresentou denúncia contra o médico Denis Cesar Barros Furtado, vulgo ‘Dr. Bumbum’, por homicídio doloso - com intenção de matar -, por meio da realização de procedimento estético na bancária Lilian Quezia Calixto de Lima Jamberci, dia 14 de julho, que morreu horas depois.
Também são denunciadas pelo crime Maria de Fátima Barros Furtado, médica e mãe do médico, a namorada e secretária de Denis, Renata Fernandes Cirne, e sua empregada doméstica, Rosilane Pereira da Silva. A denúncia foi oferecida no último dia 7.
Tecnologia do Blogger.