São Gonçalo é o município da Grande Natal com maior geração de empregos

Durante o primeiro semestre de 2018, a cidade de São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal, obteve índices positivos na geração de empregos. Os incentivos fiscais, os programas de qualificação profissional e as diversas ações municipais têm atraído várias empresas para a cidade, contribuindo diretamente na promoção de renda.

Mesmo em um contexto de crise econômica em escala nacional, a cidade apresentou, ainda em 2017, um saldo positivo de 720 no número de pessoas atuando com carteira assinada, contra um negativo de 1.063 em 2016. Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), coletados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdet), São Gonçalo é a cidade da Região Metropolitana com a maior taxa de geração de empregos proporcionais ao número de habitantes.
“Estamos em uma constante crescente, diferente de outras cidades, como Natal que ficou negativo em 1.107 só em 2017. Para vocês ter noção, agora em 2018 já vamos com um saldo positivo de 352 empregados. A nossa expectativa é superar nosso crescimento em 2017”, ressalta Fernando Fernandes, secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo.
De acordo com o secretário, o programa “Qualifica São Gonçalo”, lançado em dezembro de 2017, é um exemplo de ação da gestão municipal para assegurar o crescimento pessoal e profissional dos são-gonçalenses. Fernando afirma que mais de 17 cursos de qualificação já foram ofertados e mais de 800 alunos atendidos em diversas áreas.
Além disso, ele observa que os incentivos fiscais e diálogo com empreendedores têm contribuído para novos investimentos no município. A Carajás, atacadista na área de materiais de construção, é o mais novo grande empreendimento na cidade e a mais nova parceira da gestão. Com previsão de abertura ainda no mês de julho, a empresa vai gerar cerca de 500 empregos diretos. Outro exemplo é já instalada multinacional francesa Teleperformance. “Já são cinco anos de atuação da ‘call center’ e 2.500 empregos disponibilizados em São Gonçalo. Para assegurar um total de 60% das vagas para os nossos moradores, a Prefeitura vem investindo em qualificação e atuando junto à Câmara e empresa” afirma.
Outra ação que vem sendo trabalhada é a disponibilidade de uma área física para investimentos de grande porte por parte da Prefeitura, para instalação de indústrias e comércio que favoreçam parcerias e tornem contínuo o crescente contexto de desenvolvimento da região. A área próxima ao Aeroporto Internacional Governador Aluísio Alves irá disponibilizar estrutura para um novo momento na economia municipal.
O fomento ao empreendedorismo local estimulando os trabalhadores informais, educando e mostrando benefícios e meios para legalizar o negócio é mais um trabalho da equipe responsável da administração. Júlio Cézar, agente de desenvolvimento da Semdet junto ao Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), destaca a importância desse tipo de incentivo: “Hoje São Gonçalo conta com aproximadamente 3 mil empreendedores individuais. Se 20% deles podem assinar uma carteira de trabalho, teremos mais 500 empregos diretos criados. O caminho do desenvolvimento passa, portanto, pelo empreendedorismo”, pontuou.

Agora RN
Tecnologia do Blogger.