Gilmar Mendes pede providências a Toffoli após Kajuru dizer que ele vende sentenças

Resultado de imagem para gilmar mnede e cajuru

No mesmo dia em que foi protocolado no Senado o requerimento para criação da CPI da Lava Toga, o ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), pediu hoje ao presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, para que sejam tomadas providências sobre uma entrevista concedida pelo senador Jorge Kajuru (PSB-GO) a uma rádio, na qual o parlamentar afirma que Gilmar será o "primeiro a ser questionado" pela CPI, que tenta emplacar uma investigação contra o "ativismo judicial" dos tribunais superiores. 

Cabe ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM), determinar se a comissão será criada. O ofício enviado ao ministro Dias Toffoli descreve que a entrevista foi concedida no último domingo (17). Nele, há trechos com a transcrição das falas de Kajuru, em que diz que Gilmar "vende sentenças". "De onde você tirou esse patrimônio? Da Mega Sena? De herança, de quem você tirou, Gilmar Mendes? Foram das sentenças que você vendeu, seu canalha!", diz o senador em um trecho da entrevista.

"Considerando o teor das palavras declaradas pelo senador no bojo dessa entrevista, encaminha-se o seu conteúdo a vossa excelência para adoção das providências que entender cabíveis", pediu o ministro Gilmar Mendes. 

Tecnologia do Blogger.