Bolsonaro diz que Brasil deixou de se armar por ideologia desde o governo FHC

O presidente Jair Bolsonaro, 1 tradutor e o Xeque Suhail Al Mazrouei, ministro de Energia e Indústria dos EAU (Emirados Árabes Unidos)
O presidente Jair Bolsonaro disse neste sábado (26.out.2019) que o Brasil deixou de investir na área da Defesa por “ideologia” desde o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e, agora, precisa se rearmar para ter capacidade de se defender.

“O Brasil foi esquecido nessa área desde o governo Fernando Henrique Cardoso. Por quê? Voltando agora à ideologia, nós somos o grande obstáculo para o socialismo, nós das Forças Armadas. Por isso interessava quebrar nossa espinha dorsal”, disse o presidente durante cerimônia de oferenda floral no Monumento aos Mártires da Pátria (Wahat Al Karama), nos EAU (Emirados Árabes Unidos).
“Ninguém quer 1 Brasil extremamente belicoso, mas precisamos ter 1 mínimo de poder de dissuasão”, completou. As informações foram divulgadas pela Folha de S.Paulo.
Bolsonaro fechou com o país 2 acordos de cooperação na área de Defesa: sobre a constituição e operação do Fundo Brasil-Emirados Árabes de Cooperação Estratégica para Expansão da Capacidade Produtiva do Setor de Defesa; e 1 Memorando de Entendimento sobre Parceria Estratégica relacionada ao Desenvolvimento, Produção e Comercialização de Produtos de Defesa.
O presidente não detalhou os acordos, pois, segundo ele, são de responsabilidade do ministro Fernando Azevedo (Defesa).
A intenção ainda do governo nos EAU é de assinar 1 acordo de assistência mútua em matéria aduaneira, que, embora não tenha efeito imediato nos negócios, pode reduzir burocracias fiscais. Seria mais 1 sinal de que o país quer facilitar os contratos, bem-vindos num momento em que o Brasil caiu 15 posições no ranking mundial de ambiente de negócios.
No país árabe, está previsto que Bolsonaro participe de encontros com empresários, autoridades e atletas brasileiros e emiráticos de jiu-jitsu. No domingo (27.out), o presidente participará de 1 seminário empresarial.
Tecnologia do Blogger.