Psicólogo paraibano é preso no Recife suspeito de agredir a esposa e ferir três pessoas a bala


Um  psicólogo paraibano foi preso em flagrante nesta segunda-feira (16) suspeito de agredir a esposa e ferir a bala três pessoas. O fato aconteceu  na noite do dia 3 dezembro desse ano, dentro de um hotel  no Bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

O suspeito se apresentou espontaneamente  no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Zona Oeste do Recife e como   havia um mandado de prisão preventiva em aberto, ele foi preso pela equipe da 3ª Delegacia de Homicídios. Por volta das 12h50, ele foi ouvido pela delegada Stephanie Araújo, responsável pelo caso.

Dois funcionários foram atingidos pelos disparos, segundo a Polícia Civil: José Edson Lima Júnior, 34 anos, e José Fernando Freire da Silva, 43 anos. Ambos foram levados para o Hospital da Restauração, na área central do Recife. Os investigadores afirmaram que João Raimundo ainda atirou contra um terceiro funcionário, que não foi atingido.

Após falar com o segurança, mantendo a arma apontada, o hóspede fez os disparos. Não foi possível ver o funcionário sendo atingido, mas as imagens mostraram a vítima se arrastando para fugir do atirador, que não abaixou a pistola. No chão, ficou uma marca, que aparentava ser sangue.

Uma mulher de camisa listrada surgiu gesticulando e seguiu atrás dos dois. Os três desapareceram da imagem. Depois, o hóspede voltou pelo mesmo corredor, mantendo a arma em punho.

Os investigadores informaram que a arma usada no crime é da mãe do hóspede, que tem posse de arma autorizada. O filho dela, no entanto, não tem a autorização para posse ou porte de arma.

Tecnologia do Blogger.