Polícia admite dificuldades, mas segue investigação de casal que gravou ato sexual na BR-110

Mesmo enfrentando dificuldades, a investigação em busca do casal que gravou cenas de sexo na rodovia que liga as cidades de Campo Grande, Janduís e Patu continua. O vídeo do ato obsceno começou a circular nas redes sociais no dia 14 de maio. 

De acordo com a Polícia Civil, a procura é dificultosa, já que o próprio casal produziu o vídeo e os rostos não aparecem nitidamente na filmagem. Ainda não se sabe, inclusive. se a gravação é recente ou antiga. 

O caso 

O vídeo que circulou nas redes sociais mostra um casal no acostamento da rodovia, com os faróis do carro ligados. Posicionados em frente ao veículo, os dois passaram a fazer sexo. 

A investigação da polícia é para tentar identificar o casal já que, de acordo com o artigo 233 do Código Penal, "praticar ato obsceno em lugar público, ou aberto ou exposto ao público" pode ser motivo de detenção de três meses a um ano, ou multa. 

Fonte: Sociedade Ativa via Agora RN
Tecnologia do Blogger.