Itapemirim deve começar operação aérea com 10 aviões em 2021

O Grupo Itapemirim deve começar a operar rotas aéreas no próximo ano com uma frota de dez aviões. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (19) pelo executivo Tiago Senna, presidente da nova unidade de negócios da empresa em live com um canal especializado em aviação.


No início ano, Sidnei Piva, presidente do grupo, havia anunciado um aporte de US$ 500 milhões de um fundo soberano dos Emirados Árabes Unidos, após viagem ao país com o governador de São Paulo, João Doria (PSDB). O plano era investir na criação de uma companhia aérea e na expansão da frota rodoviária.

Segundo Senna, há investimentos também de fundos nacionais e americanos. Apesar da conjuntura de crise do setor aéreo, a Itapemirim entende que o momento é propicio para negociação para quem está com dinheiro.

Tecnologia do Blogger.