Bruno Covas diz que aprovou aumento do próprio salário para não perder servidores



O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), disse que sancionou o aumento de 46% de seu próprio salário para não deixar o teto do funcionalismo público defasado e, assim, perder servidores. A declaração foi dada nesta segunda-feira (28), em entrevista à GloboNews.





Tecnologia do Blogger.