Rio Grande do Norte tem saldo negativo de empregos em abril, aponta Caged




O Rio Grande do Norte fechou 61 vagas de emprego formal no mês de abril, segundo apontou o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgado pelo Ministério da Economia nesta quarta-feira (26).


O número representa a diferença entre as contratações (12.380) e as demissões (12.441) realizadas pelas empresas potiguares ao longo do mês. O estado tem um "estoque" de cerca de 438,1 mil empregos formais, com carteira assinada.


Os setores da construção civil e da agropecuária foram os que mais influenciaram no resultado negativo.


Somente a construção civil fechou 453 vagas e a agropecuária, 230. O comércio e a indústria também demitiram mais pessoas do que contrataram.
Tecnologia do Blogger.